Contacte-nos através do nosso email:
cethomar@hotmail.com

8/11/2011

CETHOMAR – INFORMATIVO N.º 2

NOVIDADES DO ARTIGO “TORRE DE PUNHETE”

Temos vindo à uns meses para cá a publicar todas as quintas-feiras, todavia não tem sido fácil garantir todas as semanas a apresentação de artigos, sob pena de deixarmos de conseguir manter a filosofia editorial que ao longo destes anos nos tem orientado. As pesquisas necessitam de tempo e não se coadunam com a pressão de publicação semanal. Iremos tentar manter o ritmo, contudo, algumas dessas publicações não serão autênticos artigos, ou pelo menos, aqueles que costumamos dar a conhecer.

Esta semana, visto ser prematuro publicar algum desses artigos que estão para serem colocados ao vivo, optámos simplesmente por apresentar uns excertos do artigo “A Marca de Gualdim Pais” que irá ser publicado na íntegra no fim do ano.

Informamos que o artigo “A Torre de Punhete” está avançar rapidamente e esperamos muito brevemente dar continuação ao que já foi publicado. Este fim de semana fizemos (os cinco magníficos) uma incursão na zona, tendo conseguido recolher fotos das antigas muralhas do Castelo de Ozêzere (existiram no local pelo menos quatro “castelos” – reconstruções), fotos da antiga muralha que suportava a Torre de Punhete, a qual talvez venha a ser classificada como monumento de interesse nacional, fotos do local preciso onde iria desembocar um dos dois túneis do Castelo de Almourol e ainda novidades do sítio da Cardiga, entre outras recolhas das quais iremos dar total conhecimento ao longo do post.

Devido a amplitude de temas que o post referido está a querer tratar, se bem que profundamente apenas será a matéria relativa a Constância, talvez venhamos a fazer uma alteração ao título mantendo-se este por agora até conclusão do artigo.

Para a semana seguinte, caso não exista ainda artigo(s) a publicar, iremos dar a conhecer o testemunho dos Freis Conventuais do Convento de Cristo relativamente a uma misteriosa personagem que por ali passou em 1632, episódio que não poderiam ter deixado de registar por escrito.

clip_image006_thumb[3]
Quinta da Cardiga – Torre Templária ao centro

clip_image008_thumb[2]
Notável Vila de Constância ( a vila pirâmide) – Antiga Torre do designado “Castelo Gótico”
Vista a partir do Castelo de Ozêzere

2 comentários:

DEGRACONIS disse...

Uma vez perguntaram-nos se publicávamos às quintas por algum motivo em especial ou se estaria relacionado com a espiritualidade templária (?)

Resposta: É simplesmente uma questão astrológica lol

Anónimo disse...

Pensei que fosse por causa das estreias dos filmes nos cinemas às quintas.